Cabelos com luzes

Na hora de mudar o visual, trocar de cor, ou até mesmo radicalizar e pintar com uma cor fantasia, as luzes são as melhores opções. Por quê? Bem, qualquer tonalização mais clara que o seu tom natural requer uma descoloração. As luzes no cabelo são a melhor opção para descolorir sem agredir todo o cabelo. 

Além disso, as luzes por si só já dão um up no visual, iluminam o rosto, deixa o cabelo com aparência mais comprida e dão um visual contrastante  muito charmoso. É necessário alguns cuidados para manter as luzes bonitas e saudáveis, assim como o resto do cabelo. 

Mulher com luzes no cabelo.

Busque um profissional para fazer as luzes. Os procedimentos caseiros são arriscados, já que nem sempre temos conhecimento de como os produtos agem nas nossas madeixas. Todo o cuidado é pouco, então assim que decidir fazer luzes no cabelo, procure um cabeleireiro, ele fará um teste de mecha e te indicará a melhor forma de tratar após a descoloração. 

Escolha um profissional de confiança para fazer as luzes no seu cabelo. A descoloração é um processo muito agressivo, que altera a estrutura do cabelo e abre as cutículas do cabelo. Assim, os fios ficam mais vulneráveis e podem resultar em dano na fibra capilar. A importância de escolher um bom profissional é evitar qualquer efeito e resultado inesperado durante a mudança. Também é importante verificar se os produtos usados são de qualidade. O teste de mecha dirá se você tem alergia a algum componente dos produtos usados. 

Fiz luzes e agora?

É normal o cabelo ficar com duas texturas diferentes: a do cabelo natural e das mechas onde as luzes foram aplicadas. Também é comum que as mechas descoloridas embaracem mais facilmente e quebrem. Para evitar que o cabelo fique muito danificado você pode começar um tratamento antes de descolorir as mechas. Procure hidratar o cabelo semanalmente até um mês antes do dia do procedimento. 

Já fez as luzes e quer manter o aspecto saudável do cabelo? Invista em produtos específicos para cabelos com química. As mechas descoloridas vão precisar de cuidado redobrado, portanto, um sérum reparador também pode ser útil. Uma das melhores formas de restaurar a saúde do cabelo com luzes é usando óleo vegetal, de preferências nas pontas. O óleo de coco é a melhor opção, pois é barato e acessível. 

Escolha um shampoo para reconstrução e um condicionador hidratante. Assim você garantirá o aspecto saudável das mechas e  natural do restante do cabelo em um tratamento equilibrado. Cuidado com shampoos roxos, eles servem para o cabelo não amarelar, mas também ressecam mais ainda os cabelos, portanto, use-o com moderação. 

Máscara matizadora.

Se a chapinha e o secador forem indispensáveis da tua rotina, procure usar um protetor térmico. O calor fornecido por essas ferramentas prejudicam a fibra capilar, podendo danificar e ressecar mais ainda, principalmente onde tem luzes. O protetor térmico irá ajudar criando uma máscara protetora ao redor do fio, diminuindo consideravelmente os danos da alta temperatura. Alguns protetores térmicos são ativados quando entram em contato com o calor e podem oferecer benefícios como: cutículas seladas, hidratação e brilho. 

Corte o seu cabelo periodicamente. Com a química nas pontas podem surgir pontas duplas. A ponta dupla enfraquece os cabelos e cortar com frequência pode eliminar esse problema. O ideal é cortar uma vez a cada 3 ou 4 meses.
 

Rotina de cuidados
 

Uma rotina de cuidados com o seu cabelo pode fazer totalmente a diferença na aparência deles. Se o seu cabelo não for oleoso, não lave todos os dias. Importante lembrar que água muito quente pode danificar o cabelo e causar seborreia no couro cabeludo. 

Para manter o cabelo bonito, principalmente as luzes, faça hidratações pelo menos uma vez por semana. Pode ser feita no salão ou em casa. A hidratação vai restaurar a água e os nutrientes perdidos durante a descoloração. Há diversas máscaras em conta para hidratar o cabelo. 

Caso queira restaurar o cabelo e uniformizar a textura do cabelo, faça um cronograma capilar focando na nutrição e reconstrução. Essas duas etapas vão reestruturar o fio do cabelo e a massa, tornando-o mais brilhoso e definido. Não sabe o que é cronograma capilar? Clique aqui e saiba mais. 

Receitas caseiras 

Várias vezes temos ingredientes em casa que são potentes máscaras hidratantes e não nos damos conta. Confira abaixo algumas receitas caseiras para hidratar o seu cabelo. 

Abacate

O abacate é um ótimo aliado das madeixas saudáveis. Por ser natural, não oferece riscos à saúde. É rico em vitamina C, vitamina A e vitamina E, complexo B, potássio, zinco e outros diversos nutrientes. Para o cabelo, hidrata e nutre, deixando o cabelo mais brilhoso e macio. 

Abacate com mel.

Uma receita bem básica é a máscara de abacate com mel. Você irá precisar de meio abacate amassado, uma colher de mel e 4 colheres de sopa de leite integral. Misture até ficar uma pasta homogênea e aplique no cabelo. Deixe por 30 minutos. Na primeira aplicação você vai sentir seu cabelo mais macio. 

Iogurte  com mel 

Você vai precisar de um copinho de iogurte natural e 2 colheres de sopa de mel. Misture bem até ficar um creme. Passe essa mistura por todo comprimento das mechas e espere 40 minutos antes de lavar normalmente. Finalize como desejar.

Cenoura e babosa

Você vai precisar de quatro folhas de babosa e meia cenoura. Retire o miolo da babosa e rale a cenoura. Misture bem os dois até ficar uma pasta. O ideal é espremer o líquido da mistura, mas você pode aplicá-la diretamente no cabelo. Deixe até 30 minutos e enxague em água corrente. 

Fontes:

http://www.fatecdiadema.com.br/wp-content/uploads/2017/11/unnamed-file-3.pdf

https://repositorio.ucb.br/jspui/bitstream/123456789/8917/1/propriedades-abacate.pdf

http://siaibib01.univali.br/pdf/mascaras-capilares-naturais.pdf

Como cuidar do cabelo quebradiço

Alguma vez você penteou o cabelo e notou, que ao terminar, vários ficavam na escova? Relaxa, isso é normal se o volume de cabelo não for grande. Pode ser que seu cabelo esteja quebrando. Calma, existe solução para este problema. Você percebe que o seu cabelo está quebrando ao invés de caindo quando você não consegue ver o bulbo da raiz na ponta do fio. Isso é normal em cabelos que caem naturalmente. Na quebra, o fio simplesmente se parte em dois.

O principal “sintoma” do cabelo quebradiço é a grande quantidade de fios que saem na hora do banho, pentear, passar a mão no cabelo. Também estão presentes o frizz, o ressecamento e o cabelo de aparência opaca. Até mesmo a textura do cabelo fica diferente, fica mais poroso e espigado. 

Cabelo quebradiço e ressecado pode ter várias causas, estresse, problemas de saúde e alimentação. Usar os produtos errados e prender o cabelo com muita força também pode quebrar o cabelo. Se o seu cabelo já está ressecado, independente do motivo, é bem provável que ele irá quebrar também. 

Como evitar a quebra? 

Há alguns truques para evitar que o cabelo continue quebrando e são bem simples. Confira abaixo o que fazer. 

  1. Use shampoo e condicionador apropriado para o seu cabelo. Importante ressaltar que os shampoos reconstrutores são indicados para cabelos quebradiços.
  2. Cuidado com a forma que você escova o cabelo. Pentear os cabelos de forma agressiva pode quebrar os fios com facilidade. Comece sempre de baixo para cima delicadamente. 
  3. Esfregar a toalha na cabeça para secar o cabelo pode abrir a cutícula do fio, deixando-o com frizz e espigado. Tenha cuidado. 
  4. Não prenda o cabelo molhado. Esse costume pode quebrar o cabelo tanto pela umidade do cabelo quanto pela borrachinha usada para prender.
  5. Finalizar o cabelo de forma apropriada pode evitar a quebra dos fios. Principalmente com o leave-in, que formará uma camada protetora em volta do fio. Pode evitar o ressecamento por fatores externos, como sol e poluição. 
  6. Dê um tempo na química. Fazer química no cabelo sem o devido cuidado com toda certeza vai detonar o seu cabelo. O mais indicado é dar uma pausa e criar uma rotina de cuidados para que o cabelo possa recuperar sua força e não quebrar mais. 
  7. Largar a chapinha e o secador. O mesmo esquema da dica acima, só que não precisa ser radical e parar. Diminuir a frequência de uso da chapinha e do secador pode fazer a diferença e recuperar a vida do cabelo. Se as duas ferramentas forem indispensáveis, invista em um bom protetor térmico, assim o cabelo não sofrerá tanto com o calor. 
  8.  Crie uma rotina de cuidados. Mais conhecido como cronograma capilar, essa rotina irá recuperar o cabelo mais rápido do que só seguir os passos acima. 

Cronograma capilar – o que é?

Cronograma capilar é uma rotina de cuidados com os cabelos composto por três tratamentos principais: hidratação, restauração e nutrição. Cada etapa do cronograma capilar restitui nutrientes e componentes específicos do cabelo. O cronograma capilar é um dos tratamentos mais indicados por cabeleireiros, já que não possui restrição. É o cuidado mais completo que existe e pode ser feito facilmente em casa.

Cronograma capilar para cabelo danificado.

Como funcionam as etapas?

A hidratação é a etapa mais conhecida e serve para recuperar a água dos fios. Os componentes mais completos para hidratar os cabelos são: D-Pantenol que proporciona hidratação de longa duração, maciez e brilho às madeixas. É possível encontrar em farmácias frasquinhos com essa substância pura. Misture em qualquer creme ou máscara para potencializar o efeito hidratante. 

nutrição é a etapa que regenera a massa capilar. Combate o ressecamento e dá peso e brilho para o cabelo. Repõe os lipídios, que são as gorduras benéficas do cabelo, que acabamos perdendo por diversos fatores. Há três formas de realizar a nutrição. Você pode optar por máscaras nutritivas, que são compostas por óleos e manteigas vegetais que normalmente agem de 3 a 5 minutos no banho. A umectação você pode usar óleo vegetal puro no cabelo de 30 minutos a 1 hora. A outra forma é a umectação noturna. É o mesmo esquema da umectação normal, a diferença é que você aplica o óleo vegetal no cabelo e dorme com ele. 

reconstrução é a etapa mais indicada para o cabelo quebradiço. A reconstrução age na reposição de proteína aos fios, principalmente queratina. Essa é a etapa mais potente do cronograma capilar, deve ser feita com um intervalo de 15 dias. Intercale com etapas de hidratação, mas principalmente etapas de nutrição. Para a reconstrução procure produtos com queratina, colágeno, creatina, arginina ou cisteína. 

Pó de gelatina incolor.

Receita caseira para tratar o cabelo quebradiço

A gelatina incolor é o ingrediente principal para tratar em casa o cabelo quebradiço. A gelatina contém uma grande quantidade de colágeno, portanto, age restaurando os fios enfraquecidos e impedindo a quebra. Para fazer esta receita você vai precisar de:

  • Meio pacote da gelatina incolor
  • 2 colheres (sopa) de máscara para cabelos 

Dissolva a gelatina em aproximadamente 100ml de água morna. Misture bem e cuida para não ficar empelotado. Assim que conseguir dissolver a gelatina misture na máscara. Aplique cuidadosamente mecha por mecha nos cabelos previamente lavados. Deixe agindo por 20 minutos. Retire em água corrente e finalize como desejar. Não repita esse tratamento por pelo menos 2 semanas. 

Fontes:

http://www.scielo.br/pdf/%0D/qn/v22n6/2588.pdf

https://repositorio.unesp.br/handle/11449/114540

http://repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/250470


Como fazer o cabelo crescer?

Em média o cabelo cresce aproximadamente 1,2cm por mês, mas geralmente o comprimento mensal varia de pessoa para pessoa. Depende de vários fatores como alimentação, cuidados, fator genético e outros fatores externos. Com algumas técnicas é possível acelerar o crescimento do cabelo, mas é necessário ter cuidado. Não é qualquer coisa que pode colocar no cabelo e diversos sites recomendam até mesmo remédios veterinários. Pesquise antes o que você quer e qual o efeito colateral que isso pode trazer.

 O meu cabelo não cresce

Fatores muito importantes podem dificultando o crescimento do cabelo. É normal que após os 50 anos o crescimento do cabelo caia pela metade. A herança genética é um fator decisivo também. Se não for nenhum destes, é necessário prestar mais atenção à sua saúde. 

Faça um check up com o seu médico para saber se a saúde está boa. O cabelo é um dos primeiros a sofrer baixas quando a saúde está mal. Doenças crônicas como diabetes, artrite reumatoide e lúpus podem impedir o cabelo de crescer de forma saudável. Dependendo do estágio da doença, pode causar queda de cabelo severa. Problemas hormonais também podem prejudicar crescimento dos fios. 

Como funciona o crescimento do cabelo

O crescimento do cabelo acontece em três fases e dura a vida inteira. A fase anágena é a primeira fase. É a fase de nascimento do fio e crescimento. Podemos reparar mais facilmente estes fios na região da testa. A fase catágena vem em seguida. É fase quando o cabelo está estabilizado no couro cabeludo. São os fios mais fortes e resistentes do cabelo. Por fim, a fase telógena é a fase da queda dos fios. O processo de crescimento do cabelo dura de 2 a 7 anos. 

Imagem mostrando o ciclo de crescimento do cabelo.

Os fios se formam dentro de um tubo chamado folículo piloso. Dentro deste tubo estão as células que formam a estrutura do fio e é onde a raiz ficará quando o cabelo se estabilizar. Fatores externos podem ajudar a crescer o fio, como tratamentos.

Importante lembrar que o crescimento do cabelo em homens e mulheres é diferente. Os hormônios sexuais influenciam no cabelo e na saúde deles. É comum o cabelo crescer mais em mulheres, ao mesmo tempo que ele é mais afetado em algumas fases, como a gestação e a menopausa. Durante a gestação a produção de hormônios muito maior que o normal estimula o cabelo a crescer. Muito comum ver mulheres reclamando que não conseguem mais ter o cabelão que tinham durante a gravidez. 

Meu cabelo cresce ralo 

O cabelo fino pode ser tanto um fator genético quanto uma consequência de um problema de saúde. Quando se tem o cabelo ralo é difícil perceber o crescimento. Quando não se trata de um problema de saúde está liberado usar produtos para crescer o cabelo e dar volume.

Antes e depois tratamento cabelos ralos.

Há vários produtos que ajudam a dar volume. O truque é usar eles perto da raiz, assim o cabelo parecerá mais cheio. Use algum finalizador perto da raiz e arrume com os dedos. Cuide para o cabelo não ficar oleoso. Para o cabelo ficar mais encorpado você pode investir em mais etapas de nutrição. Não sabe o que é nutrição? Você pode saber mais clicando aqui.

Procure usar escovar com cerdas menores e macias, assim evitará que o cabelo quebre. Outro truque é tentar cortes mais curtos. Assim, os cabelos ficarão com a impressão de mais volumosos, além de que o cabelo liso acaba pesando e ficando mais “escorridos”. 

Como fazer o cabelo crescer?

Primeiro, antes de buscar receitas milagrosas você deve entender que não existe receita que faça o cabelo crescer 2cm por noite. O cabelo pode crescer talvez 2cm por mês com a ajuda de substâncias estimulantes. Existem shampoos específicos para ajudar no crescimento do cabelo. Geralmente são compostos por vitaminas e proteínas. Geralmente a vitamina B5 é usada para potencializar shampoos e máscaras de crescimento. 

Há métodos naturais usando óleos vegetais, mas é necessário ter muito cuidado com o uso destes óleos. Por exemplo, o óleo de rícino é um ótimo aliado no crescimento de pelos em geral, mas de forma alguma deve ser usado por gestantes. Pessoas com alergia também não deve usar. Faça o teste de toque antes de utilizar qualquer óleo vegetal. Aplique o óleo na parte interna do pulso – região onde a pele é mais sensível – e espere 24 horas. Se não aparecer vermelhidão, coceira e qualquer outro indício de alergia, pode usar. 

Óleo de rícino

O óleo de rícino é extraído das sementes de mamona, uma planta tóxica comum no Brasil. O óleo de rícino possui propriedades antifúngicas e antibacterianas. Essas propriedades ajudam a proteger o couro cabeludo, contribuindo para o crescimento saudável dos fios. 

Antes e depois do uso do óleo de rícino.

É rico em vitamina E e minerais. Essa composição acelera o crescimento dos fios e evita o surgimento de pontas duplas. Pode fazer parte do cronograma capilar na etapa de nutrição. Para usar no cabelo, você pode aplicar puro ou diluído em uma máscara. Para aplicar diretamente no cabelo, você deverá aquecê-lo por 10 segundos no microondas, pois o óleo de rícino é viscoso. Aplique no cabelo limpo e deixe por até 12 horas no cabelo. Caso queira usar com outros cremes, coloque uma colher de chá e misture até ficar homogêneo. 

Outras técnicas para o cabelo crescer

  • Massageie o cabelo durante a lavagem, suavemente. Isso irá estimular a circulação sanguínea na região e portanto, o crescimento. 
  • Não aplique condicionador na raiz do cabelo, isso irá obstruir os folículos e pode deixar o cabelo seboso e com caspa. Aplique o condicionador até 3 dedos da raiz. 
  • Não lave os cabelos com água muito quente, além de prejudicar o couro cabeludo, pode atrasar o crescimento. 
  • Faça no minimo uma hidratação por semana, use algum óleo vegetal para manter o cabelo saudável. 

Fontes:

http://www.scielo.br/pdf/%0D/abd/v78n3/16381.pdf

http://asser.com.br/rioclaro/graduacao/pedagogia/docs_professor/Cabelo%20bom%20cabelo%20ruim%20vol(4).pdf

Mulher descolorindo o cabelo.

Saiba como cuidar dos cabelos loiros

Os cabelos loiros desde sempre são desejados. Os tons amarelados nos cabelos nunca saiu de moda e até hoje é tendência. Diversas socialites e figuras famosas mantém os cabelos loiros e lindos, inspirando muitas outras mulheres. Desde a loira de farmácia até a loira platinada devem cuidar dos cabelos para manter a cor perfeita e o cabelo com aspecto saudável. 

Beyoncé de cabelo curto e loiro.

Cuidados com o cabelo 

Alguns cuidados básicos são essenciais para manter o cabelo loiro bonito e impecável. Comece pelo shampoo, use o shampoo apropriado para o seu cabelo. Um condicionador apropriado também é essencial para a saúde do cabelo.

Aposte em cremes de cabelo com protetor solar para proteger o cabelo. Ele age como uma película protetora contra ação do sol. Quando for para a piscina, use sempre.Não abuse de chapinha e secador para deixar as madeixas arrumadas. Se for o caso, invista em um bom protetor térmico.

Loiro descolorido

Cabelos descoloridos devem ter atenção redobrada. O processo de descoloração do cabelo rompe o pigmento do cabelo, tornando-o mais claro. Esse processo abre as cutículas do cabelo e precisa de um longo tratamento de recuperação. Além de alterar a coloração do cabelo, descolorir dos cabelos altera as estruturas do fio e a textura do cabelo. Uma dica de quase todos os profissionais da beleza é: não descolorir cabelos escuros de uma vez só. Se a sua vontade for sair do castanho escuro para o loiro, não clareie tudo de uma vez. Isso pode danificar muito a estrutura do cabelo. 

Para evitar os efeitos negativos da descoloração se atente ao processo para preparar o cabelo. Sempre faça o teste de mecha antes de descolorir o cabelo. Faça hidratações antes da química, para diminuir os danos. 

Mulher descolorindo o cabelo.

Uma rotina de cuidados – mais conhecida como cronograma capilar – pode ser muito benéfico para evitar o cabelo ressecado e quebradiço. Tente incrementar etapas de restauração pelo menos uma veza cada 10 dias. Caso você não saiba, cronograma capilar é uma rotina montada durante um mês com três etapas por semana. O objetivo é restaurar a saúde dos cabelos. As etapas são hidratação, nutrição e restauração. Você pode saber mais sobre aqui.

Loiro platinado

O loiro platinado é um tom muito mais claro que os outros tipos de loiro. Portanto acaba sendo uma cor difícil de manter. Um produto errado no cabelo e a cor pode mudar e o cabelo pode ficar manchado. A indicação geral é usar shampoos roxos ou com violeta genciana dentro, assim o o shampoo não deixara o cabelo amarelar. É necessário atenção com o uso de substâncias matizadoras, elas podem ressecar muito o cabelo. 

Katy Perry com cabelo platinado.

Cabeleireiro recomendam investir em uma boa máscara de hidratação. Assim como o cabelo descolorido, o cabelo platinado deve ser bem cuidado e a máscara hidratante irá repor a água dos fios. Para finalizar, procure usar séruns reparadores ou cremes que são protetores térmicos. Os cabelos mais claros tem uma tendência maior a danificarem no sol. 

Outras indicações

  • Não escove seu cabelo com muita força, pois as chances dele quebrar são maiores
  • Não durma com o cabelo molhado, nem úmido. As chances do cabelo embaraçar durante a noite são grandes e por ele estar frágil, podem quebrar. 
  • Não lave o cabelo todos os dias, o cabelo precisa da gordura natural para poder se regenerar.
  • Prender o cabelo com cuidado para não quebrar. 
  • Não seque o cabelo esfregando a toalha. A dica principal para secar é amarrar uma camiseta de algodão no cabelo e deixar secar.

Piscina

As chances do cabelo loiro esverdear na piscina são grandes. Acontece porque o cabelo loiro não tem tanto pigmento quanto os outros. O cobre presente nos produtos de limpeza de piscina entra em contato com a queratina.

Tirar o verde da piscina é um pouco mais complicado do que evitar o esverdado. Tente seguir as dicas abaixo. 

  • Manter o cabelo hidratado evita o verde
  • Usar produtos que mantenham a cutícula SELADA. Isso evita a absorção de sulfato de cobre.
  • Evite molhar o cabelo até 15 dias após uma química no cabelo, principalmente descoloração. 
  • Após a piscina, tome uma ducha e lave o cabelo com shampoo anti resíduos para tirar o sulfato de cobre


Se mesmo com os cuidados o seu cabelo ficou verde, não se preocupe. Procure um salão para matizar o cabelo. A matização vai equilibrar os tons e selar as cutículas dos fios. 

Fontes:

http://submission.quimicanova.sbq.org.br/qn/No%20Prelo/RV/quimica-corante-cabelo 

http://uniesp.edu.br/sites/_biblioteca/revistas/tonalizante-capilar.pdf

http://robertinhomarques.com/3K5k2f58yQ9E86R543evJPKac2JG243eU3xv25TYc55Y9gcd5U/Roberto%20Marques%20Tecnicas%20e%20Arte%20da%20Cor.pdf

Cabelos Ressecados – Como tratar?

É normal o cabelo ficar ressecado e podem ser várias as causas.Produtos errados, água do mar, excesso de chapinha, química…Enfim, são diversos os motivos. Podemos perceber o cabelo ressecado pela presença do frizz, volume sem controle, fios quebradiços,cabelo opaco, pontas duplas e fios difíceis de pentear. Há várias formas de tratar o cabelo ressecado. Descubra agora o que é necessário para deixar os seus cabelos maravilhosos novamente.

Mulher com cabelo ressecado.

Cuidados iniciais

Um dos fatores que pode estar deixando o cabelo ressecado é o produto que você usa no seu cabelo. Pode ser qualquer um deles, shampoo, condicionador, creme, máscara. Dar uma checada na composição do que você está colocando no seu cabelo pode fazer a diferença na hora de cuidar das madeixas. Substâncias presentes nos produtos de cabelo, como a queratina, pode ressecar o cabelo. A queratina é benéfica para o cabelo, quando usada com um bom período de pausa entre as aplicações. O efeito do excesso de queratina no  cabelo é aspecto duro e a quebra dos fios.

Substâncias como sulfatos e parabenos presentes nos produtos capilares também podem ser a causa do ressecamento. A função do sulfato é retirar a gordura – isso resseca o fio deixando o cabelo com o aspecto de seco. Parabenos são conservantes sintéticos, a função é evitar a proliferação de organismos. Você pode encontrar na internet listas de parabenos e sulfatos que fazem malpara o cabelo.

Escolher o shampoo correto para o seu tipo de cabelo é importante para prevenir o ressecamento do cabelo. O ideal é você saber se o seu cabelo é seco, oleoso ou misto, para assim comprar o shampoo mais adequado para limpar e hidratar. O condicionador também pode ressecar o seu cabelo, principalmente se não enxaguar o suficiente e ficar resíduos. Na hora de lavar o cabelo preste atenção na temperatura da água. A água muito quente pode causar caspa, feridas no couro cabeludo e ressecar o cabelo. O ideal é água morna ou fria.

Como acabar com o ressecamento?

Um cronograma capilar pode resolver o problema. Cronograma capilar é uma rotina de cuidados que intercala três tratamentos:hidratação, nutrição e reconstrução. Cada etapa dessa rotina restaura o cabelo de uma forma específica. Seguindo o cronograma corretamente, é possível diminuir o ressecamento do cabelo. O cronograma é indicado para todos os tipos de cabelo, sem nenhum tipo de restrição.

A hidratação é a etapa mais conhecida. Nela, você irá repor a água da estrutura capilar. A hidratação deixará o cabelo menos volumoso e macio. Ajuda a fechar as cutículas do fio, protegendo dos danos externos (sol, poluição). Ajuda a recuperar o aspecto saudável do cabelo, já que o cabelo ressecado os fios parecem porosos.

A nutrição é responsável por deixar os cabelos mais pesados e brilhosos. Nessa etapa os lipídeos do cabelo são repostos. A função dos lipídeos nas madeixas é deixar uma camada protetora nos fios.Essa camada mantém os cabelos brilhantes e as cutículas alinhadas.Pode ser feita de três formas: usando máscaras de nutrição,aplicando óleo vegetal por 30 minutos (umectação) e fazendo uma umectação noturna. A umectação noturna é indicada para quem tem cabelos muito ressecados.

A reconstrução é responsável pela reposição de queratina no cabelo. Quando o cabelo fica poroso, fino, ralo e elástico é a reconstrução que deve ser feita. Os produtos para reconstrução são a base de creatina, queratina, colágeno e aminoácidos. Tenha bastante cuidado ao fazer reconstrução. Por ser a etapa que cuidada estrutura do cabelo deve ser feita intercalada com etapas denutrição e reconstrução. Não deve ser feita sem o intervalo de 15 a 30 dias.

Exemplo cronograma capilar.

Para montar seu cronograma capilar você deve fazer um teste de porosidade. Isso garantirá que não terá etapas a mais na sua rotina.

O teste de porosidade

Para você fazer o teste de porosidade será necessário um copo com água. Pegue um fio do seu cabelo e coloque-o no copo. Espere 5 minutos e observe. Se o fio afundar, é porquê a porosidade está alta. Se o fio ficar no meio a porosidade não está tão grande. Se boiar o seu cabelo está com um bom nível de queratina e você pode fazer as outras etapas. A porosidade capilar é quanto o cabelo consegue absorver de água e outras substâncias e deve ser tratada com as etapas do cronograma.

Foto com três copos e um fio de cabelo dentro.

Monte seu cronograma personalizado conforme o teste de porosidade. O tempo indicado para o cronograma é de um mês.

Tratamento caseiro

É possível fazer o cronograma capilar apenas com receitas caseiras e com ingredientes que temos em casa. Inclusive, usando produtos naturais as chances de alguma substância ressecar mais ainda as madeixas é menor ainda. Confira uma receita caseira para cada etapa do cronograma capilar. 

Hidratação 

Você vai precisar estar com o cabelo limpo para fazer a hidratação. Você vai precisar de babosa… e só. Aplique a babosa por toda a extensão dos cabelos. Cuidado com a parte da raiz, não é necessário aplicar nesta parte. Deixe por 30 minutos e enxague. Finalize como de costume. 

Nutrição 

Para a nutrição vai precisar de qualquer óleo vegetal. Cuidado com os óleos minerais, eles não nutrem o cabelo, apenas agem como se fossem uma “maquiagem”. Dê preferência para óleos vegetais prensados a frio. Um dos óleos vegetais mais acessíveis é o óleo de coco. Aplique no cabelo limpo e seco e espalhe bem. Deixe o tempo que quiser, depois lave o cabelo com shampoo e finalize como desejar.

Reconstrução 

Você vai precisar de um sachê de gelatina incolor, água e uma máscara qualquer de hidratação. Dilua a gelatina com água, o suficiente para diluir, mas sem ficar aguado. Misture na  máscara e aplique no cabelo. Deixe no cabelo por 30 minutos e enxague. 

Fontes: 

https://repositorio.ufjf.br/jspui/bitstream/ufjf/5936/1/jordanadiasdossantos.pdf

http://www.surgicalcosmetic.org.br/exportar-pdf/1/1_n3_27_pt/Tratamentos-esteticos-e-cuidados-dos-cabelos–uma-visao-medica–parte-1-

http://www.studiodoscachos.com.br/studio/wp-content/uploads/2018/03/ebook-reeducacao-capilar.pdf

Como cuidar do cabelo cacheado?

Por muito tempo o cabelo cacheado foi considerado cabelo bagunçado, sujo e feio. Químicas para alisar eram muito comuns, ainda são, mas as mulheres estão se libertando e principalmente, libertando seus cachos. Quando o cabelo cacheado passa pelo processo de alisamento, os fios ficam fragilizado, corre mais riscos de quebrar e ficar ressecado.

Assumir o cabelo cacheado não é apenas deixar um costume e uma imposição, é necessário aprender toda uma rotina nova com o cuidado do cabelo, para que os cabelos fiquem saudáveis. Porém, são poucos os salões de beleza que sabem mexer com o cabelo cacheado. A busca por informações geralmente parte das próprias mulheres que buscam os cachos bonitos. 

Quero deixar de alisar o cabelo

Se você tem o cabelo liso e quer deixar de alisar, você vai precisar de paciência e muito amor, pois o processo não é fácil. O nome desse processo de “cachear” o cabelo de volta é transição capilar. Durante esse processo, deixa de lado os processo químicos de alisamento e busca restaurar o cabelo natural. 

Para começar, a pessoa pode escolher ir cortando a parte alisada, conforme o cabelo cresce e assim tirar a química. O Big Chop é o corte “radical” da parte alisada. Com o Big Chop a transição capilar pode durar menos tempo. Para a transição capilar dar certo e você conseguir os seus cachos saudáveis e volumosos, é necessário uma série de cuidados básicos, que são válidos mesmo para quem não precisa da transição capilar.

Como cuidar?

Há várias formas de cuidar do cabelo cacheado, alguns mais simples do que outros. Você pode começar com a sua rotina de lavar o cabelo. O cabelo cacheado já é mais ressecado do que o cabelo liso, portanto, não lavar com água quente e não lavar todos os dias. Usar os produtos apropriados para cabelo cacheado e para o seu tipo de cabelo. Veja a imagem abaixo e descubra qual é o seu tipo de cabelo. 

Imagem ilustrativa dos tipos de cabelo cacheados.

Cronograma capilar

Cronograma capilar é um método de cuidados dos cabelos. A pessoa monta uma rotina semanal divida em três etapas e dura quatro semanas. Ela é dividida em hidratação, reconstrução e nutrição. É indicado para todos os tipos de cabelo. Durante a transição capilar é normal o cacho não ficar tão definido e o cronograma pode ajudar com a definição. 

A etapa de hidratação é responsável pela reposição de água na fibra capilar. A hidratação deixa o cabelo macio e suave. A nutrição repõe os nutrientes no cabelo. É responsável por eliminar o frizz e dar peso ao cabelo. A reconstrução repõe a massa e a queratina no cabelo. 

 Existem vários produtos no mercado que se encaixam nas etapas do cronograma capilar.Os preços variam muito, de R$5 a R$100. Busque por produtos próprios para cada etapa. Durante a hidratação, dê preferência a produtos com extratos vegetais, babosa, pantenol e vitaminas. Na nutrição,você pode usar óleo vegetal, cremes e manteigas vegetais. Existe uma técnica chamada umectação, que pode ser feita durante a nutrição, que é basicamente um banho de óleo vegetal no cabelo. O mais comum é com o óleo de coco. O objetivo da umectação é restaurar o brilho e a forma do cabelo. Você pode aplicar o óleo e deixar até 12 horas no cabelo, lavando bem para retirar o óleo.Durante a restauração você deve usar produtos com queratina, até mesmo queratina pura. Por ser a etapa mais potente do cronograma capilar, deve ser feita 1 vez a cada 15 dias se necessário.

Exemplo de cronograma capilar.


Como cuidar do cabelo cacheado e volumoso

O cabelo cacheado e volumoso passa a impressão de presença. É preciso muita personalidade para ter o cabelo com volumão! E convenhamos que cabelo cacheado e volumoso é lindo, não é? Para conseguir o poderoso volumão siga os passos abaixo:

  • Com o cabelo molhado, aplique creme de cabelo para cabelos cacheados;
  • Espere secar;
  • Assim que o cabelo estiver seco, abaixe a cabeça e bagunce com as mãos, sem dó;
  • Levante a cabeça e mexa o cabelo para o cabelo soltar da raíz, proporcionando o volume. 

Outra opção é o garfo de cabelo. Ele desprende os fios que ficam colados na cabeça após a finalização com creme. Para dar volume use o garfo de baixo para cima.

Mulher usando garfo

Investir em finalizadores é uma opção para manter os cabelos volumosos. Existe uma receita para manter os cabelos cacheados definidos, que é gelatina no creme de cabelo. Você precisa de gelatina incolor diluída em água (o suficiente para não ficar muito líquido) e um creme de cabelo. Misture a gelatina no creme de cabelo. Não use o creme na raiz do cabelo. 

E no verão? 

Verão, sol, praia, mar, areia… tudo isso pode prejudicar o cabelo. Há produtos que podem proteger o cabelo dos danos do sol. Use um finalizador com protetor solar quando for para a praia ou até mesmo quando sair no sol. Tome uma ducha depois do banho de mar. O sal presente na água pode deixar os cachos ressecados e opacos. 

Fontes:


https://www.companhiadasletras.com.br/trechos/livro-dos-cachos.pdf

http://www.portalintercom.org.br/anais/sudeste2015/resumos/R48-0059-1.pdf

https://periodicos.set.edu.br/index.php/fitshumanas/article/view/4124

Como tratar queda de cabelo?

Aqueda de cabelo é um problema comum. Podem ser várias as causas,desde a temperatura da água na hora do banho até por questões de saúde. É possível que a queda de cabelo em si, seja um sintoma de algum problema de saúde mais grave. Os fatores mais comuns para aqueda de cabelo são: fatores hereditários e envelhecimento.

É possível tratar e até mesmo parar a queda de cabelo. Por ser um problema complexo de diagnosticar corretamente, os tratamentos são variados. É necessário buscar a causa junto com um dermatologista para tratar da melhor maneira. Importante lembrar que a queda de 100 até 120 fios por dia é normal. Quando a pessoa reparar que o volume de queda de cabelo tá muito maior que o normal, é a hora de buscar um médico.

Quais são as principais causas?

Podem ser diversas, desde causas psicológicas até problemas graves de saúde. Confira abaixo quais são as principais causas da queda de cabelo.

Síndrome Metabólica

É um conjunto de fatores em uma pessoa que pode desencadear uma série de doenças, geralmente cardíacas. Também podem causar derrames,diabetes e até mesmo resistência a insulina. Essas doenças podem provocar danos aos vasos que irrigam o couro cabeludo. Quando isso acontece, o sangue não chega na região do couro cabeludo onde os cabelos estão caindo.

Anemia

Para a anemia ser associada à queda de cabelo é necessário outros sintomas. Palidez, fraqueza e cansaço são os outros sintomas de anemia que são causados pela deficiência de ferro. A falta de ferro no corpo pode provocar a queda de cabelo. O ferro é um dos principais causadores da anemia, ele é responsável pelo transporte de oxigênio no corpo. Quando há baixa concentração de ferro no corpo, os folículos pilosos (responsável pelo cabelo) não recebem a quantidade de oxigênio necessária para o cabelo ser saudável.

Estresse

O estresse físico e emocional podem levar à queda do cabelo. O estresse pode causar a diminuição de circulação de sangue no corpo. Altos níveis de cortisol – hormônio que ajuda a controlar o estresse – podem resultar na queda do cabelo também.

Alteração hormonal

É uma das causas mais frequentes da queda de cabelo. Podem ser vários os fatores que desregulam os hormônios no corpo e resultam na queda de cabelo. Doenças da tireoide, gravidez, menopausa dentre outras alterações podem influenciar na perda de cabelo. Dependendo do caso, procurar um médico para saber como estão os níveis hormonais é recomendado.

Doenças autoimunes

Doenças autoimunes como AIDS, lúpus, doença de Crohn e outras, podem resultar em alopécia. Alopécia é uma doença sem cura que faz todos os pelos do corpo caírem. Apesar de não ter cura, a alopécia pode ser tratada e os cabelos podem não cair.

Pessoa com falha no couro cabeludo

Meu cabelo  tá caindo e agora?

Não entre em pânico! Você não precisa ir correndo procurar um médico, mas é bom ficar atento aos possíveis sintomas que acompanham a perda dos fios. Pesquisas indicam que a queda de cabelo pode estar relacionada às estações do ano. Foi comprovado por cientistas suíços que a época do ano que mais cai cabelo é o outono. O verão é a estação em que é relatado menor queda aparente de cabelo. 

Outros fatores como costumes sazonais podem interferir na saúde do cabelo. No inverno é comum o uso de água quente, uso de toucas e gorros. Isso são fatores que podem implicar em problemas dermatológicos no couro cabeludo. 

Alguns cuidados são bem importantes na hora de cuidar da saúde dos cabelos. Não deixe de lavar os cabelos por medo deles caírem durante o banho. É capaz da sujeira acumulada incentivar a queda. O ideal é que a lavagem seja feita com água morna a fria em dias alternados. Importante ressaltar a importância de secar os cabelos após o banho: nunca prenda o cabelo molhado. Seja secando com o secador ou naturalmente, é importante deixar o cabelo seco antes de preder ou fazer penteados. Manter o couro cabeludo úmido por muito tempo pode provocar fungos e danificar a estrutura do cabelo.

Escovar os cabelos com muita frequência, com muita força e até mesmo com a escova errada pode prejudicar o cabelo. Dermatologistas recomendam escovas com bolinhas nas pontas.  

Mulher com escova cheia de cabelo.

Como tratar?

Se o seu cabelo cai muito, mas não a ponto de se desesperar, é possível que o seu problema seja apenas má alimentação. Os nutrientes que ingerimos influenciam diretamente na saúde dos fios. A má alimentação favorece o aspecto quebradiço e opaco dos fios, portanto eles ficam mais fracos e consequentemente caem.

Saiba como evitar a queda de cabelo e o aspecto sem brilho apenas mudando a sua alimentação:

  • Procure se alimentar de comidas que sejam ricas em ferro. Feijão e carne vermelha são boas opções. 
  • Vegetais de folhas verdes: fornecem diversas vitaminas essenciais para a saúde, como as vitaminas A e C, cálcio, ferro e zinco. Grandes aliadas no aspecto saudável do cabelo.
  • Abacate: rico em vitamina A, C e E. Também possuí gorduras saudáveis.

Fontes:

https://www.researchgate.net/publication/23480317_The_effect_of_brushing_on_hair_loss_in_women

http://siaibib01.univali.br/pdf/Ana%20Paula%20Santos%20e%20Tatiana%20Almeida.pdf

http://www.surgicalcosmetic.org.br/exportar-pdf/4/4_n1_184_pt/Fatores-nutricionais-e-resistencia-da-haste-capilar–estudo-clinico-piloto